Como usar palavras amorosas para fortalecer relações

Há algum tempo venho falando sobre a importância de nos comunicarmos de maneira transparente para que possamos fortalecer nossas relações afetivas com quem amamos.

Como praticante do budismo há muito tempo, frequentemente trago esses ensinamentos tão bonitos para minhas conversas com vocês. Independente de crenças, creio que há muitas questões práticas que podem funcionar muito bem em nossas vidas.

E é com muito amor que hoje vim falar sobre os 6 mantras da fala amorosa por Thich Nhat Hahn.

Thich Nhat Hahn foi um monge budista, mestre zen, poeta e ativista pela paz vietmanita. Nasceu em 11 de outubro de 1962 na província de Thua Thien, no Vietnã. Aos 16 anos de idade, se tornou monge noviço e, aos 23, foi ordenado como monge budista na tradição Zen.

Ele esteve entre nós até ano passado e nos deixou um legado e tanto. É autor de numerosos livros sobre mindfulness, meditação e práticas budistas – muitas traduzidas para diversas línguas. Também fundou a comunidade Plum Village, um centro de retiros e práticas de meditação na França, onde pessoas de diferentes origens podem encontrar paz e cura.

Ao longo de sua vida, Thich Nhat Hahn dedicou-se a promover a compaixão, a consciência plena e a paz mundial; também enfatizava a importância de usar palavras amorosas e compassivas para nutrir relacionamentos saudáveis.

Conheça agora quais são esses 6 mantras!

1º mantra: “Eu estou aqui para você”.

Estar presente 100% para a pessoa que você ama é algo precioso. Vale também para si mesmo (a): se você é capaz de estar consigo mesmo, é capaz de estar com a pessoa que ama.

2º mantra: “Eu sei que você está aqui e eu estou muito feliz”.

Quando estiver genuinamente presente no aqui e no agora, é possível reconhecer a presença da outra pessoa. Porque amar significa estar ciente da existência da pessoa amada e reconhecer isso como algo importante.

3º mantra: “Eu sei que você está sofrendo, e é por isso que eu estou aqui para você”.

Com plena atenção, é possível avaliar se a pessoa que amamos está bem ou não. Quando essa pessoa está sofrendo, temos o impulso em ajudá-la, imediatamente, não é? Porém, estar presente pode ser o suficiente: isso é amor verdadeiro!

4º mantra: “Eu estou sofrendo, por favor, ajude-me.”

Quando estamos em sofrimento, deveríamos externalizar os sentimentos para aqueles que amamos. Entretanto, por medo de nos tornarmos fracos ou vulneráveis, acabamos fazendo exatamente o oposto. Falar sobre nossas dores nos conecta com o outro.

5º mantra: “Este é um momento feliz.”

Quando estiver com alguém que ame, use este mantra! Ele serve para nos lembrar o quão sortudos somos em ter pessoas importantes perto de nós e que as condições para a felicidade estão no aqui e agora.

6º mantra: “Você está parcialmente certo.”

Use-o frente a elogios ou críticas, valorizando suas qualidades e identificando suas fraquezas. Assim é possível desenvolver seus pontos positivos e corrigir o que pode ser melhorado.

_

Esses mantras fizeram sentido para você? Que tal começar a colocá-los em prática a partir de agora?

TENHO CERTEZA QUE ELES VÃO TORNAR A VIDA MUITO MAIS GOSTOSA DE SE VIVER.

 

18 Responses

  1. Gratidão por esse texto, dra Ana! Estou em busca dessa comunicação amorosa, com afeto e respeito e de me conectar mais e mais com o próximo.

  2. Acredito na real importância da meditação. Tenho estudado o mindfulness e acho imprescindível a sua prática nos diversos campos de atuação, principalmente na minha área que é da assistência à saúde nos cuidados paliativos.
    Gratidão por tanto ensinamento.

  3. Fico feliz podendo ler aqui.
    Não me inscrevi no curso por motivos técnicos. Pensei em procurar algo dos conteúdos nos seus livros. Achei aqui.
    Obrigada por este texto.

  4. Esses mantras são verdadeiros e precisam ser lembrados e relembramos
    Trabalho com famílias, e procuro lembrar aos pais dos meus alunos: “teus filhos não precisam de ‘presentes’ , eles precisam de ‘presença’. Teus filhos são espelhos dos teus atos”
    Obrigada querida, admiro muito teu trabalho

  5. Fizeram muito sentido . São maravilhosos os mantras . Sentir a presença , a mão estendida , um abraço, um olhar , faz toda diferença numa relação. Gratidão 🙏

  6. Que oportuno ler esse texto hoje, dia em que celebro a vida do meu amado pai, em seus 91 anos. Que possamos estar presentes para aqueles que amamos. E que possamos exercitar esse amor também por nós mesmos. 🙏

  7. Gostei muito! É prazeroso ler e possivelmente viver esses mantras. Muito obrigada por nos oferecer essa leitura tão edificante.

  8. Que seu dia seja de luz. Obrigada pela oportunidade de receber e beber da sua fonte. Sou muito melhor quando a escuto, quando leio o seu saber. É muito bom participar deste legado que vem atrás de ti, que vem atrás de conhecimento que traz humanização ao fazer, ao pensar, ao comportar.
    Obrigada❣️

  9. Fazem muito sentido! Pena que as vezes estamos tão imersos em problemas e como resolvê-los que nos desconectamos totalmente e aquilo q faríamos em um momento equilibrado se torna impossível de ocorrer!

  10. Obrigada por nos apresentar o pensamento do monge. O budismo sempre fez parte da minha curiosidade. Imagina, morei muito próximo de um templo no Rio. Participei da meditação matinal algumas vezes. Foi muito bom. Agora moro na cidade onde nasci, no interior, no sul fluminense. Quero encontrar um templo por aqui. Acho que estou pronta.
    Vou procurar obras do monge traduzidas para o português.
    Em situações de finitude não consigo dizer “os meus pêsames” é como grego para mim. Não sou eu. Não soa natural…
    O silêncio e, agora, a presença para outro faz todo o sentido para mim. Fiz um curso de meditação mindfulness, que trazia a compaixão e a paz mundial. Gostaria de conhecer mais .

  11. Gostei muito dos 6 mantras ! Tenho procurado cultivar meus relacionamentos com amorosidade, de respeito as diferenças, de reconhecimento do outro, de cuidado, de compaixão, acredito que são valores que contribuem para o bem-viver. Vou procurar praticá-los sim na minha vida, eles fazem muito sentido para mim. Grata por esta reflexão repleta de sabedoria, estamos precisando e como !

  12. Muito mais leve e gostosa de se viver!!! Com sinceridade e presente!! Fiz a prática em frente ao espelho para mim, e então comecei a eexternar com espontaneidade para os meus !!
    Gratidão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *